Sorte

by - 12:56:00

Uma vez fui com a minha mãe a Lisboa. Para voltar ao Porto, tínhamos de apanhar o comboio. Chegámos à última da hora à estação, e não sabíamos onde estava o nosso comboio, por isso corremos em busca de informações. Demorámos a ter uma resposta, e quando nos disseram já era tarde demais, já tinha passado da hora. Mesmo assim, corremos até ao lugar mencionado, e lá estava ele. Sentámo-nos e, cerca de 10 segundos depois, o veículo arrancou.

Muitas situações destas aconteceram na minha vida, e continuam a acontecer. "Pequenas" coincidências que se mostram uma e outra vez, e que me fazem sentir abençoada por algum tipo de anjo da guarda, embora não acredite nesse tipo de coisas. Por isso, surpreendeu-me muito conhecer uma pessoa que se diz ser, ele próprio, o homem mais azarado do Mundo.

Ouço relatos das situações que já lhe aconteceram, e, segundo ele, continuam a acontecer. Ele diz que, quanto mais se preocupa, mais este tipo de coisas acontece, e é como uma bola de neve. Chegam a acontecer várias situações de azar seguidas.

Quando ele me disse isto, acreditei, mas fiquei confusa. Porém, quando presenciei este tipo de situação acontecer com ele, finalmente entendi.

A inspiração é a base de toda a sorte. Basta pesquisar e encontramos vários exemplos de pessoas que ganharam a lotaria porque "sentiram que deveriam comprar um bilhete". Este sentir é a inspiração a fazer efeito. De onde vem? Muitos acreditam que é o "anjo da guarda" a apontar o caminho. Eu, por outro lado, acredito que cada um de nós tem o seu próprio guia - cada um se tem a si mesmo, uma versão mais inteligente, mais intuitiva, mais ligada ao Universo - e é este ser maior que temos de deixar agir para que a inspiração guie à sorte.

Não encorajo ninguém a deixar-se guiar pelo seu instinto para poder ganhar a lotaria, mas sim por esses pequenos momentos de sorte à última da hora, essa sorte que nem precisamos, que nem pensamos em pedir ao nosso anjo da guarda, mas que vem porque é assim que sabe melhor.

You May Also Like

0 comentários

Pages